IDEIAS PARA UM TRÂNSITO MELHOR EM TERESÓPOLIS

Ideias para um trânsito melhor

Sabem, sou motorista, sou passageiro de ônibus, mas além disso, sou pedestre. E olhando o trânsito sob essas várias óticas é fácil ver que algo anda errado. Cada vez mais carros nas ruas, horários de ônibus mais espremidos, mais pessoas espremidas nos ônibus durante os horários de rush. Sim, temos isso, rush. E os horários coincidem com os horários escolares. Ou seja, pais levam e buscam seus filhos à escola em seus carros. Vamos trabalhar em nossos carros, mesmo que a apenas pouca distância de casa. Vamos à padaria de carro. Algo está errado. Sim, é preciso estudar o todo, de forma macro, identificando os problemas de forma técnica, acrescer logística ao pensamento empírico e daí traçar rotas de fuga para a melhoria do trânsito. É preciso também mudar conceitos. Ao invés de incentivos à política de transporte de massa, temos redução do IPI para esvaziar os pátios das montadoras. Em contrapartida, o que faz o poder público? Acena com aumento de combustível. Aumenta a oferta, a demanda, o consumo… É por aí. Já falei sobre isso em outra conversa. Desta feita trago algumas ideias para a melhoria de nosso trânsito. Não falarei de ideias “megas”. Trago apenas sugestões de pequenas mudanças que melhorariam o trânsito. Ao menos enquanto não sentamos todos, população, poder público, empresários do setor de transporte coletivo, busólogos, representantes da sociedade civil e, principalmente, usuários.

Sugestão 1 – Inversão de mão das ruas Jornalista Delcio Monteiro e José Gomes da Costa Jr.

– motivo: Afunilamento que ocorre no trecho entre o início da Av Delfim Moreira e a subida da Rua Olegário Bernardes, devido ao trânsito confluente de quem vem de São Pedro e Meudom, quem desce dos Pinheiros, quem entra para a Tijuca e para o centro (Praça Sta. Tereza, bancos etc);

– motivo: Eliminação de perigoso cruzamento, dos carros que descem a Rua Jornalista Delcio Monteiro e desejam atravessar a “Reta”, pegando a direção Alto. A opção seria descer a Rua José Gomes da Costa Jr., pegar a “Reta” e fazer o retorno, em frente à Rua Delcio Monteiro.

Sugestão 2 – Com a inversão proposta na sugestão 1, permitir estacionamento apenas do lado direito da Rua Jornalista Delcio Monteiro.

motivo: Melhoria do fluxo na via, entrada para diversos bairros da cidade.

Sugestão 3 – Com a inversão proposta na sugestão 1, inverter o fluxo da Rua Waldir Barbosa Moreira, no trecho entre o mercado Wilson e a UNOPAR, permitir estacionamento apenas do lado direito da Rua Jornalista Delcio Monteiro.

motivo: Melhoria do fluxo da via, separando quem sairá para a Reta e quem seguirá pela Av. Delfim Moreira;

Sugestão 4 – Com a inversão proposta na sugestão 1, manter Guarda de Trânsito durante todo o dia no cruzamento da “Reta” com a Rua José Gomes da Costa Jr.

motivo: Controle do fluxo na via. Desnecessária sinalização semafórica.

 

Sugestão 5 – Diminuição de pontos de ônibus na “Reta”

motivo: Melhora do fluxo na via. Centralização dos pontos de ônibus, com colocação de avisos com horários de ônibus para os bairros. Nos locais onde for ponto de ônibus na Reta, não haveria estacionamento do lado esquerdo da via, ou seja, em seu canteiro central, demarcando-se a via;

4.1.: Mudança do ponto de ônibus da Av. Feliciano Sodré, sentido Alto-Centro, na altura da SCordeiro Maquinas, transferindo-o para mais à frente, na altura do nº 1665.

4.2: Retirada do ponto de ônibus da Av.Lucio Meira, sentido Alto-Centro, no Ed. Marco Central, facilitando, assim, a entrada na Rua Dq. De Caxias. Consequentemente, facilitação do fluxo da Av. Lucio Meira.

4.3: Mudança do ponto de ônibus referido no item 4.2 para o ponto seguinte, compreendido no trecho da quadra entre as ruas Duque de Caxias e Francisco Sá, separando linhas urbanas das distritais e intermunicipais;

4.4: Retirada do ponto de ônibus da Av.Lucio Meira, sentido Centro-Alto, na altura do FORUM central, transferindo-o para junto do ponto ao longo da calçada do Colégio Estadual Edmundo Bittencourt.

4.5: Retirada do ponto de ônibus em frente ao restaurante Piccola Torino e em frente ao nº 241,da Av Feliciano Sodré.

4.6: Retirada do ponto de ônibus da esquina da Rua Tte Luiz Meirelles com a Rua Nilza Chiapetta Fadigas, trazendo-o para em frente ao Pedrão;

Sugestão 6 – Mudanças nos sentidos das ruas Gov. Roberto Silveira e Fileuterpe.

– motivo: melhoria do fluxo destas ruas e de seu cruzamento com a Rua Tte. Luiz Meirelles. Entendo que nos domingos, feriadas e no horário entre 21h e 06h o trânsito poderia continuar como está. Quem definiria esse horário seria a Guarda, montando dispositivos que liberariam e impediriam o trânsito no local, de acordo com o horário acima. Como seria:

                6.1: A Rua Gov. Roberto Silveira no trecho entre a Rua Tte. Luiz Meirelles e a Praça da Arruela, daria sentido apenas Centro-São Pedro;

6.2: A Rua Fileuterpe no trecho entre a Igreja Católica de São Pedro e a Rua Tte. Luiz Meirelles, daria sentido apenas São Pedro-Centro;

Sugestão 7 – Estacionamento em apenas um dos lados das vias.

– motivo: melhoria do fluxo destas ruas e de seus eventuais cruzamentos, bem como os pontos de parada de ônibus. As ruas seriam: Rua Duque de Caxias, Av Delfim Moreira, Rua Nilza Chiapetta Fadigas, Rua Carmela Dutra, Rua Heitor de Moura Estevão, Rua Jornalista Delcio Monteiro, Rua José Gomes da Costa Junior.

Na Rua Waldir Barbosa Moreira, no trecho entre o mercado Wilson e a UNOPAR seria permitida apenas a parada nos estacionamentos “espinha de peixe”.

Na “Reta”, em todo o seu trecho, onde há ponto de ônibus do lado direito, do lado esquerdo, mesmo junto ao canteiro central, não seria permitido estacionamento, permitindo o fluxo normal de veículos.

 

IDEIAS MAIS À FRENTE: Ciclovia/Caminhadovia na Reta; Pontos de ônibus no centro da pista, tal qual a Alameda São Boaventura em Niterói; ônibus com ligação centro-bairro; criação de estacionamento subte na Pça. Olímpica com suspensão da praça de esportes, elevando-a (o estacionamento seria administrado pela Sec. Des. Social e seus projetos).

 

texto – FERNANDO LUIZ

Fernando Luiz é formado em Geografia pela Universidade Salgado de Oliveira, usuário dos sistemas de trânsito da cidade e morador de Teresópolis há 37 anos.

2 Respostas para “IDEIAS PARA UM TRÂNSITO MELHOR EM TERESÓPOLIS

  1. Pingback: E DISCUTIRAM A MOBILIDADE. HORA DE PROSSEGUIR. | TEREBUS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s